domingo, 25 de outubro de 2009

Não me ame - Tania Mara e Alexandre Pires

Versão da Música No me ames de Marc Antony e Jennifer Lopez, música essa que conheci em espanhol e adorei na versão brasileira

Não Me Ame

Porque você chora depois de amar?
E olha pras horas, Finjindo não olhar?
Se quando me pega, sua mão me aperta.
Em seu pensamento o que esta se passando?

Que eu te quero tanto, e porque será?
Me diz ate quando você vai duvidar,
mesmo que o futuro seja um muro enorme
eu não tenho medo de seguir te amando.

Não me ame porque pensa que eu pareço diferente

E não pense que é pra sempre Só porque estamos juntos

Não me ame que eu entendo a mentira que seria

Se esse amor é tão grande, não me ame mais fique mais um dia

Não me ame que eu estou perdido, que esse é o meu mundo e outro o seu destino.
Porque não se pode ver além do espelho, se existe um medo por de trás de cada beijo.

Não me ame pra seguir sofrendo e ficar por dentro cheio de arrependimento.
Não me ame com os pés na terra quero abrir as asas e voar no espaço, entre o céu e o inferno.

E não fique triste com o que eu falar, porque agora é tarde pra não magoar.

E esse é o instante de seguir em frente, fica mais um pouco que ainda estou quente.



Não me deixe, não me deixe, não me escute quando eu digo não me ame.

Não me deixe, não machuque o meu coração com esse não me ame.


Se eu me afasto dos seus braços, esse amor eu nunca esquecerei.

Não me ame, nunca se engane, com esse amor tão grande que não faz sentido.

não me ame nunca se engane com esse amor tão grande e tão dividido

Não me ame ficaremos juntos um dentro do outro, cada vez mais juntos.

Esse amor é como o sol que abre em plena tempestade como dois comentas de uma mesma estrela.




segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Cora Coralina

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

NÃO BASTA APENAS APAGAR O FOGO...


De vez em quando há coisas bonitas que valem a pena partilhar

" Quem não entende um olhar, muito menos entenderá uma longa explicação..."


Foto tirada Em frente de combate
ao incêndio que devastou a Austrália


Olha a troca : olhar ., o gesto ...maravilhoso!

O universo é um, não importa se somos um monte de átomos que forma a espécie (animal ) humana , vegetal , estrelar..... somos poeira atômica do mesmo sistema , do mesmo universo, não somos nem mais nem menos. O que nos faz maior ou menor é isso, esse gesto lindo que vem da chama divina que cada um possui mais ou menos acesa ,

...alguns esquecem ou desconhecem que a possuem , dentro de si .

Om sai Ram




terça-feira, 13 de outubro de 2009

13 REFLEXÕES PARA VIVER - Gabriel Garcia Marques

1) Te amo não por quem tu és, mas por quem sou quando estou contigo

2) Nenhuma pessoa merece tuas lágrimas e quem as merece não te faz chorar.

3) Só porque alguém não te ama como tu desejas, não significa que não te ame com todo o seu ser.

4) Um verdadeiro amigo é quem te pega a mão e te toca o coração.

5) A pior forma de sentir falta de alguém é estar sentado a seu lado e saber qeu nunca o poderá ter.

6) Nunca deixes de sorrir, nem mesmo quando estais triste porque nunca sabes quem podera enamorar-se de teu sorriso.

7) Podes ser somente uma pessoa para o mundo, mas para alguma pessoa tu és o mundo.

8) Não passes o tempo com alguém que não esteja disposto a passá-lo contigo.

9) Quem sabe Deus queira que conhecças muita gente enganada antes que conheças a pessoa adequada para que, quando no fim a conheças, saibas estar agradando.

10) Não chores porque já terminou, sorria porque aconteceu.

11) Sempre haverá gente que te machuque. Assim, o que tens de fazer é seguir confiando e só ser mais cuidadoso em quem confias duas vezes.

12) Converte-te em uma melhor pessoa e assegura-te de saber quem és antes de conhecer mais alguém e esperar que essa pessoa saiba quem és.

13) Não te esforces tanto, as melhores coisas acontecem quando menos esperas.

Tudo o que acontece, sucede por alguma razão...

GABRIEL GARCÍA MARQUEZ

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Quando tudo for pedra, atire a primeira flor!



Quando tudo parecer caminhar errado, seja você a tentar o primeiro passo certo;


Se tudo parecer escuro, se nada puder ser visto, acenda você a primeira luz, traga para a treva, você primeiro, a pequena lâmpada;

Quando todos estiverem chorando, tente você o primeiro sorriso; talvez não na forma de lábios sorridentes, mas na de um coração que compreenda, de braços que confortem;

Se a vida inteira for um imenso não, não pare você na busca do primeiro sim, ao qual tudo de positivo deverá seguir-se;

Quando ninguém souber coisa alguma, e você souber um pouquinho, seja o primeiro a ensinar, começando por aprender você mesmo, corrigindo-se a si mesmo;

Quando alguém estiver angustiado à procura, consulte bem o que se passa, talvez seja em busca de você mesmo que este seu irmão esteja;

Daí, portanto, o seu deve ser o primeiro a aparecer, o primeiro a mostrar-se, primeiro que pode ser o único e , mais sério ainda, talvez o último;

Quando a terra estiver seca, que sua mão seja a primeira a regá-la;

Quando a flor se sufocar na urze e no espinho, que sua mão seja a primeira a separar o joio, a arrancar a praga, a afagar a pétala, a acariciar a flor;

Se a porta estiver fechada, de você venha a primeira chave;

Se o vento sopra frio, que o calor de sua lareira seja a primeira proteção e primeiro abrigo;

Se o pão for apenas massa e não estiver cozido, seja você o primeiro forno para transformá-lo em alimento;

Não atire a primeira pedra em quem erra. De acusadores o mundo está cheio; nem, por outro lado, aplauda o erro; dentro em pouco, a ovação será ensurdecedora;

Ofereça sua mão primeiro para levantar quem caiu; sua atenção primeiro para aquele que foi esquecido; seja você o primeiro para aquele que não tem ninguém;

Quando tudo for espinho, atire a primeira flor; seja o primeiro a mostrar que há caminho de volta, compreendendo que o perdão regenera, que a compreensão edifica, que o auxílio possibilita, que o entendimento reconstrói.

Atire você, quando tudo for pedra, a primeira e decisiva flor.

domingo, 4 de outubro de 2009

Você Já Amou Tanto Assim!?



Há muito tempo atrás, um casal de velhinhos que não tinham filhos, moravam em uma casinha humilde de madeira, tinham uma vida muito tranqüila, alegre, e ambos se amavam muito.

Eram felizes.

Até que um dia...
Aconteceu um acidente com a senhora. Ela estava trabalhando em sua casa quando começa a pegar fogo na cozinha e as chamas atingem todo o seu corpo.
O esposo acorda assustado com os gritos e vai a sua procura, quando a vê coberta pelas chamas e imediatamente tenta ajudá-la.
O fogo também atinge seus braços e, mesmo em chamas, consegue apagar o fogo.
Quando chegaram os bombeiros já não havia muito da casa, apenas uma parte, toda destruída.
Levaram rapidamente o casal para o hospital mais próximo, onde foram internados em estado grave.
Após algum tempo aquele senhor menos atingido pelo fogo saiu da UTI e foi ao encontro de sua amada.
Ainda em seu leito a senhora toda queimada, pensava em não viver mais, pois estava toda deformada, queimara todo o seu rosto.
Chegando no quarto de sua senhora, ela foi falando:
- Tudo bem com você meu amor?
- Sim, respondeu ele, pena que o fogo atingiu os meus olhos e não posso mais enxergar, mas fique tranquila amor que sua beleza está gravada em meu coração para sempre.
Então triste pelo esposo, a senhora disse-lhe:

Deus vendo tudo o que aconteceu a meu marido, tirou-lhe as vistas para que não presencia esta deformação em mim.
As chamas queimaram todo o meu rosto e estou parecendo um monstro.

Passado algum tempo e recuperados, voltaram para uma nova casa, onde ela fazia tudo para o seu querido esposo, e ele todos os dias dizia-lhe:
COMO EU TE AMO!

E assim viveram 20 anos até que a senhora veio a falecer.

No dia de seu enterro, quando todos se despediam, então veio aquele senhor sem seus óculos escuros e com sua bengala nas mãos,
chegou perto do caixão, beijando o rosto e acariciando sua amada, disse em um tom apaixonante:

“Como você é linda meu amor, eu te amo muito”.

Ouvindo e vendo aquela cena um amigo que esta ao lado perguntou se o que tinha acontecido era milagre e, olhando nos olhos dele, o velhinho apenas falou:

Nunca estive cego, apenas fingia, pois quando a vi toda queimada sabia que seria duro para ela continuar vivendo daquela maneira.

Foram vinte anos vivendo muito felizes e apaixonados!!!

Na vida temos de provar que amamos!
Muitas vezes de uma forma difícil
E, para sermos felizes, temos de fechar os olhos para muitas coisas,
mas o importante é que se faça única e intensamente com AMOR!

Se você quiser voltar


Me bateu uma vontade de chorar
Aparentemente sem explicação
Me deu um nó na garganta
Uma aperto aqui no peito
Eu tentei me controlar
Não teve jeito

Foi talvez uma lembrança da infância
Uma dor dessas que ficam escondidas
Ou quem sabe veio à tona
Nossa história de amor mal resolvida

Algum trauma, algum medo muito grande
Um desejo uma vontade reprimida
E por mais que eu não queira
Pode ser suas ausência em minha vida

Meu desespero
Quando você foi embora
Era preciso não deixar transparecer
É que ninguém tem nada a ver com meus problemas
Até de mim eu consegui me esconder
Mais esse homem forte tão determinado
Que pode tudo e não aceita se entregar
Entrega os pontos abre os braços e a janela
Se você quiser voltar
Se você quiser voltar


Perdoa - Peninha


Perdoa por eu ter te escolhido
Pra ser pra sempre a minha companheira
Perdoa por eu ter acreditado nesse sonho todo dia
Perdoa por eu ter te perdoado
Na hora que eu devia te esquecer
Perdoa por eu ter me preparado
E me guardado pra você

Eu te solto
Eu não te prendo
Eu te livro
Faz o que é preciso
Eu não posso e eu não quero
Te obrigar a me querer na tua vida

Desenganos vem, acontecem
Desenganos vão, desaparecem
Eu não posso e não vou forçar
A barra pra você gostar de mim

Quem sabe amanhã... talvez
Quem sabe
O tempo coloca tudo no seu lugar
Se vou te esperar ou não
Quem sabe
Aquilo que tem que ser... será.