quinta-feira, 30 de julho de 2009

Rifa-se um Coração - Clarice Lispector

Rifa-se um coração quase novo.
Um coração idealista.
Um coração como poucos.
Um coração à moda antiga.
Um coração moleque que insiste
em pregar peças no seu usuário.


Rifa-se um coração que na realidade está um
pouco usado, meio calejado, muito machucado
e que teima em alimentar sonhos e, cultivar ilusões.
Um pouco inconseqüente que nunca desiste
de acreditar nas pessoas.
Um leviano e precipitado coração que acha que
Tim Maia estava certo quando escreveu...
"...não quero dinheiro, eu quero amor sincero,
é isso que eu espero...".
Um idealista...Um verdadeiro sonhador...


Rifa-se um coração que nunca aprende.
Que não endurece, e mantém sempre viva
a esperança de ser feliz, sendo simples e natural.
Um coração insensato que comanda o racional
sendo louco o suficiente para se apaixonar.
Um furioso suicida que vive procurando
relações e emoções verdadeiras.


Rifa-se um coração que insiste
em cometer sempre os mesmos erros.
Esse coração que erra, briga, se expõe.
Perde o juízo por completo em nome de causas e paixões.
Sai do sério e, às vezes revê suas posições
arrependido de palavras e gestos.
Este coração tantas vezes incompreendido.
Tantas vezes provocado.
Tantas vezes impulsivo.


Rifa-se este desequilibrado emocional que abre
sorrisos tão largos que quase dá pra engolir as orelhas,
mas que também arranca lágrimas e faz murchar o rosto.
Um coração para ser alugado, ou mesmo utilizado
por quem gosta de emoções fortes.
Um órgão abestado indicado apenas para
quem quer viver intensamente
contra indicado para os que apenas pretendem
passar pela vida matando o tempo,
defendendo-se das emoções.


Rifa-se um coração tão inocente
que se mostra sem armaduras
e deixa louco o seu usuário.
Um coração que quando parar de bater
ouvirá o seu usuário dizer
para São Pedro na hora da prestação de contas:
"O Senhor pode conferir. Eu fiz tudo certo,
só errei quando coloquei sentimento.
Só fiz bobagens e me dei mal
quando ouvi este louco coração de criança
que insiste em não endurecer e, se recusa a envelhecer"


Rifa-se um coração, ou mesmo troca-se por
outro que tenha um pouco mais de juízo.
Um órgão mais fiel ao seu usuário.
Um amigo do peito que não maltrate
tanto o ser que o abriga.
Um coração que não seja tão inconseqüente.


Rifa-se um coração cego, surdo e mudo,
mas que incomoda um bocado.
Um verdadeiro caçador de aventuras que ainda
não foi adotado, provavelmente, por se recusar
a cultivar ares selvagens ou racionais,
por não querer perder o estilo.
Oferece-se um coração vadio,
sem raça, sem pedigree.
Um simples coração humano.
Um impulsivo membro de comportamento
até meio ultrapassado.
Um modelo cheio de defeitos que,
mesmo estando fora do mercado,
faz questão de não se modernizar,
mas vez por outra,
constrange o corpo que o domina.
Um velho coração que convence
seu usuário a publicar seus segredos
e a ter a petulância de se aventurar como poeta.


Clarice Lispector

sábado, 18 de julho de 2009

FUE ELLA, FUI YO - Yair

sexta-feira, 17 de julho de 2009

El Regalo Más Grande - Tiziano Ferro (Tradução)




O Maior Presente


Quero fazer um presente para você
Algo doce
Algo diferente
Não um presente comum
Dos que você perdeu ou nunca abriu
Que esqueceu em algum trem ou não aceitou
Dos que se abre e chora
Que está feliz e não se finge
E neste dia de setembro
te dedicarei
Meu maior presente

Quero dar o seu sorriso a lua assim que
De noite, quem a veja, possa pensar em você
Porque o seu amor para mim é importante
E não me importa o que os outros digam
porque
Ainda que com ciúmes sei que me protegia e sei
que ainda cansada o seu sorriso não iria embora
Amanhã sairei de viagem e levarei sua presença
para que
Nunca seja a ida e sempre a volta
Meu maior presente
Meu maior presente

Queria que você me desse de presente
Um sonho escondido
Ou nunca dado
desses que não se abrem
diante de muita gente
Porque o maior presente
É só nosso para Sempre

(...)E se chegar agora o fim que seja em um abismo
Não para me odiar se não para tentar voar e...
E se te negar tudo esta extrema agonia
se a vida te negar, respira a minha
E estava atento a não amar antes de te encontrar
E descuidava a minha existência e não me importava
Não quero lamentar mais amor...amor...amor

Quero dar o seu sorriso a lua assim que
De noite, quem a veja, possa pensar em você
Porque o seu amor para mim é importante
E não me importa o que os outros digam
E você...
Amor negado, amor roubada e nunca devolvido
Meu amor tão grande como o tempo, em você me perco
Amor que me fala com seus olhos aqui de frente
E é você
é você

quinta-feira, 16 de julho de 2009

O maior de todos é o amor!

Oi !!!
Meu nome é ...
Felicidade!!!!


Faço parte da vida daqueles que tem amigos,
porque quem tem amigos é
FELIZ !!!

Faço parte da vida daqueles que vivem cercados por pessoas como você,
pois viver assim é ser Feliz!

Faço parte da vida daqueles que acreditam na força do Amor,
que acreditam que para uma história bonita não há ponto final.

Ele é responsável pela resolução de todos os problemas.
Eu sou casada sabiam?
Sou casada com o Tempo.
Ele reconstrói corações, ele cura machucados, ele vence a Tristeza...

Juntos, eu e o Tempo tivemos três filhos:
A Amizade, a Sabedoria e o Amor

A Amizade é uma menina linda, sincera, alegre. Brilha como o sol.
Une pessoas, pretende nunca ferir, sempre consolar.

A do meio é a Sabedoria, culta, íntegra, sempre foi mais apegada ao Pai,
o Tempo.
A Sabedoria e o Tempo andam sempre juntos!


O caçula é o Amor.
Ah! como esse me dá trabalho!
É teimoso, às vezes decide encantar apenas um coração...
Eu vivo dizendo:
Amor, você foi feito para unir dois corações, e não infiltrar-se em apenas um.
Quando ele começa a fazer estragos eu chamo logo o pai dele, o Tempo, e aí o
Tempo sai fechando todas as feridas que o Amor abriu!
O Amor é complexo, mas é lindo, muito lindo!

Tudo no final sempre dá certo, se ainda, não deu, é porque não chegou o final.
Por isso, acredite sempre na minha família.
Acredite no Tempo, na Amizade, na Sabedoria e, principalmente no Amor.
Aí, com certeza um dia, eu, a Felicidade, baterei à sua porta !!!
Tenha Tempo para os Sonhos!!!
Eles conduzem sua carruagem para as Estrelas.




segunda-feira, 13 de julho de 2009

Perdoa-me

Perdoe-me se quando
Você precisou da lua,
Só pude te trazer as estrelas,
Pois não alcancei além delas.
Perdoe-me se quando você teve
Vontade de chorar,
Fiz com que você sorrisse,
Eu pensei que estava fazendo o certo,
Mas fazê-lo guardar as lágrimas
Não foi uma boa opção para te ajudar.
Perdoe-me por ter chegado
Adiantada demais na sua vida
Mas foi porque pra estar ao seu lado
Eu prefiro sair sem relógio.
Perdoe-me se não fui
Tudo aquilo que você esperou,
Mas quase tudo na vida
Não é do jeito que pensamos.
Perdoe-me por ter te mostrado
Uma outra visão da vida,
Mas ao menos você pode descobrir
Que preto e branco
Apenas são algumas das muitas cores
Que podem existir ao nosso redor.
Perdoe-me por ter optado
Em conquistar o seu amor
Perdoe-me...

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Marley e eu

Como sempre quando tenho algo na cabeça (momento meio dificil este rs) eu gosto de vir aqui e escrever e escrever, ainda que por muitas vezes o que eu tenha escrito não venha a ser lido, mas eu preciso rs.

Depois de 2 tardes lendo Marley e Eu, terminei de devorá-lo hoje, em meio ao meu trabalho e disfarçando as lágrimas que não queriam parar de correr.

Sei que já foram vendidas milhares de cópias deste livro, mas com o lançamento do filme, acredito ter estragado toda a magia do livro, confesso que preferi ler antes de assistir, e hoje decidi definitivamente que paro por aqui...Esquecerei completamente que fizeram um filme.

Estou encantada com a magia que esse livro passou, com as cenas que o autor John Grogan teve o poder de transpor para essas páginas. Ri e chorei muito, em tamanha intensidade que fiquei surpresa...

Muito bom ver alguém detalhar com tanta afinidade, o amor que recebia, e os momentos que vivia com seu amigo cão. O melhor amigo que podemos ter em nossa vida.

Sempre adorei animais, e sempre os respeitei muito, e também sempre sonhei com um labrador só meu, ainda não pude ter um mas pretendo e quero muito...

Espero do fundo do meu coração que pessoas que não gostem de bichinhos tenham a oportunidade de se deparar com esse livro (falo livro por que não creio no poder do cinema em melhorar um livro e sim em deixar a história sem graça) a fim de mudarem seus pensamentos e sentimentos em relação aos nossos amiguinhos de quatro patas... e que conheçam um amor sem igual.

Para quem não leu deixo a minha indicação como um livro que pode ser facilmente devorado e apreciado e para quem leu, espero que realmente tenham tido a mesma impressão que eu, de estarem mais sensibilizados para o mundo que nos espera.

Beijinhos a todos

Liane Abud


Marley com seu dono o jornalista John Grogan

domingo, 5 de julho de 2009

Deprimido - Facundo Cabral


Suas vidas irá mudar depois que ler esse texto, prestem atenção no que falo, o modo como vêem a vida mudará, então vale a pena.
Iria por em texto mas se tornaria mais longo, então pus em slide, é mais rapido, a narrativa só consegui em espanhol, fato que não ajudaria muito...

Confiem em mim, leiam até o fim...

Beijoquinhas

Liane Abud




sexta-feira, 3 de julho de 2009

Vamos Refletir????


Na vida existem certos momentos,
que sentes muito a falta de uma pessoa,
a ponto de querer tirá-la de seus sonhos
e abraça-la muito apertado...

***
Quando se fecha a porta para
a felicidade, ela voltará a se abrir,
mas nós seguimos olhando
para a porta fechada
sem dar importância a esse
novo momento.

***

Não te baseie nas aparecências,
elas enganam.
Não te interesse pela riqueza,
ela desvanecerá.
Busque alguém que saiba te
conquistar com um sorriso,
porque basta só um para que
o dia mais triste volte a ficar melhor.

***

Busque alguém que faça rir o teu coração.
Sonha o que queres sonhar.
Vá aonde queiras ir.
Busca ser aquilo que queres.
Porque a vida é uma só.
Portanto existe uma só possibilidade
de fazer as coisas que desejas.

***

Te desejo muita felicidade na tua vida,
para que te sintas bem.
Tantas provas, para que te tornes forte.
Lágrimas, para sentir-te humano.
Esperança, para poder ser feliz.

***

Os afortunados não necessariamente
tem o melhor do melhor.
Mas, buscam o melhor daquilo que
encontram em seu caminho.
O futuro mais esplêndido vai
depender sempre da
necessidade de esquecer o passado.
Não podes seguir adiante na vida
antes de superar os erros do passado
e tudo o que castiga teu coração.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Corinthians Campeão da Copa do Brasil 2009



Aiiii eu precisava escrever aqui, declarar minha felicidade!!!


Corinthianssssssssssssssssssssssss superou todas as adversidades e voltou a ser CAMPEÃO NACIONAL...

Meu coração CORINTHIANO esta feliz demais!!!!


EU to feliz demais!!!!!!

Aqui tem um bando de louco Louco por ti Corinthians
pra aqueles que acham que é pouco eu vivo por ti corinthians!
Eu canto até ficar rouco eu canto pra te empurrar!
Vamo, Vamo meu timão. Vamo Meu timão, não para de lutar!

-------------

Não para, não para, não para vai pra cima timão

Não consigo nem dizer, tudo o que eu sinto
Eu só sei que até morrer, curingão estarei contigo
Por toda sua história, por toda sua tradição
Até o fim da minha vida, te amo timão

Não para, não para, não para
Não para, não para, não para
Não para, não para, não para vai pra cima timão (10 vezes)


quarta-feira, 1 de julho de 2009

My Way (tradução)

Meu Jeito

E agora o fim está próximo
Então eu encaro o desafio final
Meu amigo, Eu vou falar claro
Eu irei expor meu caso do qual tenho certeza

Eu vivi uma vida que foi cheia
Eu viajei por cada e todas as rodovias
E mais, muito mais que isso
Eu fiz do meu jeito

Arrependimetos, eu tive alguns
Mas então, de novo, tão poucos para mencionar
Eu fiz, o que eu tinha que fazer
E eu vi tudo, sem exceção

Eu planejei cada caminho do mapa
Cada passo, cuidadosamente, no correr do atalho
Oh, mais, muito mais que isso
Eu fiz do meu jeito

Sim, teve horas, que eu tinha certeza
Quando eu mordi mais que eu podia mastigar
Mas, entretanto, quando havia dúvidas
Eu engoli e cuspi fora
Eu encarei e continuei grande
E fiz do meu jeito

Eu amei, eu ri e chorei
Tive minhas falhas, minha parte de derrotas
E agora como as lágrimas descem
Eu acho tudo tão divertido
De pensar que eu fiz tudo
E talvez eu diga, não de uma maneira tímida
Oh não, não eu
Eu fiz do meu jeito

E pra que é um homem, o que ele tem
Se não ele mesmo, então ele não tem nada
Para dizer as coisas que ele sente de verdade
E não as palavras que ele deveria revelar
Os registros mostram que eu recebi as desgraças
E fiz do meu jeito

Frank Sinatra